Turismo de Aventura

A princípio era conhecido como uma atividade ou subproduto do Ecoturismo. Hoje, porém, possui características de mercado próprias. Além disso, diversas novas oportunidade de ofertas e diferentes possibilidades aparecem devido ao crescimento que vem adquirindo.

Rapel, rafting, mergulho e trekking são alguns exemplos de atividades de turismo de aventura. É possível considerar toda a atividade que envolva a superação de limites pessoais, sempre de caráter recreativo, nunca competitivo. Porém, essas atividades devem ser feitas preservando a natureza, e evitando possíveis impactos negativos ao ambiente.

As atividades de aventura são experiências físicas e sensoriais recreativas que relacionadas à desafios. Pode ter riscos avaliados, controláveis e assumidos que podem proporcionar sensações diversas como liberdade, superação e prazer. É importante lembrar que tudo irá depender da expectativa e experiência de cada pessoa e do nível de dificuldade de cada atividade.

É possível praticar turismo de aventura em qualquer lugar do mundo. O Brasil é um excelente país para a prática deste tipo de turismo. Afinal, possui diversos lugares com belezas naturais e parques turísticos que disponibilizam a prática.

Os turistas de outras regiões do país estão começando a incluir Roraima na rota de suas aventuras, e motivo para isso não falta. Empresas locais oferecem pacotes de excursões para o Monte Roraima, Serra do Tepequém, Serra Grande e Gran Sabana, que são os pontos favoritos dos turistas.

Roraima começou a se posicionar dentro do mercado nacional e internacional e está tendo visibilidade fora do país e em outros estados.