Estão abertas inscrições para cursos de Arrais-Amador

A partir desta segunda-feira, 10, estão abertas as inscrições para cursos de formação para obtenção de Habilitação Náutica de Arrais-Amador e de Motonauta. Serão ofertadas 100 vagas e os interessados devem se inscrever no Detur (Departamento de Turismo) da Seplan (Secretaria estadual de Planejamento e Desenvolvimento), na Rua Coronel Pinto, 267, Centro. Os cursos, promovidos pela Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental, entre os dias 24 e dia 28 de outubro.

De acordo com a chefe de Ecoturismo do Detur, Neide Lima, os candidatos, homens ou mulheres, precisam ser maiores de 18 anos, devem preencher um protocolo no momento da inscrição, e apresentar comprovante de residência atualizado, além de Carteira de Identidade, CPF (Cadastro de Pessoa Física) e CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

O conteúdo essencial para a formação teórica será repassado por e-mail e a GRU (Guia de Recolhimento da União), para pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 40, será emitida somente pela equipe da Capitania Fluvial no dia 24 de outubro. 

HABILITAÇÃO – Os cursos são necessários para aquisição da Habilitação Náutica e regularização perante a Marinha. A Carteira de Habilitação de Motonauta é destinada aos condutores de motos aquáticas, nos limites da navegação interior.

A Carteira de Habilitação de Arrais-Amador torna o candidato apto para conduzir embarcações como lanchas e barcos de pequeno porte, nos limites da navegação interior, realizada em águas abrigadas, lagos, lagoas, baías, rios e canais, onde normalmente não são verificadas ondas com alturas significativas; ou parcialmente abrigadas, onde, eventualmente, possam ocorrer ondas com alturas significativas e combinações adversas de agentes ambientais, vento, correnteza ou maré, que apresentem dificuldades ao tráfego das embarcações.

Durante o encerramento da 44ª Abav Expo Internacional de Turismo, nesta sexta-feira (30), em São Paulo, foi lançado o Canal TV Trip Brasil, a primeira emissora com conteúdo exclusivo para o setor. Na ocasião o diretor do Departamento de Turismo de Roraima, Ricardo Peixoto, foi nomeado como conselheiro editorial do canal.

Ricardo Peixoto assume o conselho editorial com outros membros, com o objetivo de ajudar a pautar o conteúdo do canal de TV, com base na experiência de cada um dentro do Turismo.

“Por toda a experiência que o Peixoto carrega no Turismo ao longo desses anos, o que irá nos ajudar a ter um olhar minucioso sobre o Norte como um todo. Ricardo Peixoto vem para engrandecer o nosso Conselho Editorial”, destacou o diretor da TV Trip Brasil, Marcelo Gomes.

Para Peixoto, o cargo de conselheiro representa o reconhecimento do esforço que tem sido feito para alavancar o Turismo na região Norte e em Roraima. “Estamos há muito tempo trabalhando no intuito de mostrar os potenciais de Roraima para o mundo, e essa nomeação é um reconhecimento desse trabalho que temos desempenhado com o apoio da governadora Suely Campos”, afirmou.

TRIP BRASIL – Com conceito inovador e único, a TV Trip Brasil é o primeiro Canal de Televisão a apresentar conteúdo 100% voltado ao turismo. Com uma grade de programas completa e desenhada para atender o público brasileiro, a Trip desponta no mercado como uma opção àqueles que adoram o tema, curtem viajar e querem interagir com o canal.

Além das dicas, documentários, programas de talk show e entrevistas, o consumidor em horários pré-determinados poderá aproveitar oportunidades exclusivas direcionadas somente aos telespectadores do canal e em tempo real.

A equipe da TV esteve em Roraima para gravar uma série de matérias que serão exibidas com imagens do Tepequém, dos cavalos selvagens nos campos do Maruaí, da Pedra Pintada, fazenda Castanhal, Refazenda, Parque Anauá, Orla Taumanan. Em breve a equipe irá retornar a Roraima para gravar um programa especial sobre o Monte Roraima.

Roraima terá voo para Buenos Aires e retorno de trecho

Nesta quarta-feira, às 10h, teve início no auditório da Expo Center, em São Paulo, a 44ª edição daABAV Expo Internacional de Turismo & Encontro Comercial Braztoa. Cerca de 500 pessoas entre empresários, políticos e representantes mundiais do turismo prestigiaram a solenidade que durou cerca de duas horas. Após a abertura, as autoridades se dirigiram ao pavilhão onde acontece a exposição de turismo.

 

Entre as primeiras ações do Estado no evento está a consolidação do voo pela GOL Linhas Aéreas que saíra de Boa Vista (RR) com destino a Buenos Aires (ARG), passando por Manaus (AM). Outro ponto será o retorno do voo entre Boa Vista/Manaus/Boa Vista. Segundo o diretor do Departamento de Turismo, Ricardo Peixoto, há previsão que a nova rota comece a operar a partir de 17 de dezembro.

 

Nesta quarta-feira ocorreu a primeira reunião com o vice-presidente da GOL, o diretor de Planejamento de Linhas e a secretária de Turismo do Estado do Amazonas para tratar sobre cumprimentos de acordos. Um destes foi o retorno da ligação de voos entre Boa Vista/Manaus que deverá ser consolidada nos próximos dias. Outra ação será o voo internacional da GOL que saíra de Boa Vista com Destino a Buenos Aires, com escala em Manaus.

 

Segundo Peixoto, o Governo de Roraima estará reunido ainda nesta quarta-feira, no Expo Center, para definir cláusulas que tratam sobre o voo internacional e o retorno do trecho Boa Vista/Manaus.

 

“Discutiremos como será feito o voo e em que condições. Serão os ajustes necessários que deverão ser seguidos junto com a equipe técnica da GOL para que possamos dar detalhes mais apurados como que tipo de aeronave irá operar nesse trecho e com que frequência acontecerá as viagens” disse.

 

A 44ª edição da ABAV Expo Internacional de Turismo & Encontro Comercial Braztoa segue até o dia 30 de setembro. São mais de 60 países participando e dezenas de empresas ligada ao setor do turismo mundial. O Governo de Roraima está presente na Expo ABAV com uma equipe de 15 técnicos.

 

No espaço Roraima estão expostas duas grandes imagens que mostram a capital Boa Vista e na outra os esportes radicais praticados no rio Branco. Outra atração é a exposição de artesanato indígena das etnias Macuxi, Wapichana e Ingarikó.